Processo Seletivo DAF 2021 12


06 Maio 2022
 

O livro Voa, João!, que integra a coleção Que medo!, produzida pela MultiRio, foi o ponto de partida do Projeto Pedagógico Anual Vencendo nossos medos em 2022, do EDI Senhora Perciliana Pereira de Alvarenga (7ª CRE), na Cidade de Deus.

Turmas do Berçário, do Maternal e da Pré-escola conheceram a história do pequeno joão-de-barro que, em seu primeiro dia na escola, precisa deixar a proteção do ninho e voar com as próprias asas.

A partir da leitura do livro e da exibição do vídeo da animação, os educadores do EDI desenvolveram uma série de atividades, adaptadas para cada faixa etária, abordando assuntos relacionados à identidade, à higiene, à escola, à família e à moradia.

“A temática abordada pelo Voa, João! é a mesma utilizada pelo EDI no contexto do início do ano. O ingresso na escola gera grande temor para crianças e para pais de primeira viagem, por isso a escolha desse título. De forma lúdica, abrimos o diálogo sobre esse medo com responsáveis e alunos, o que gerou engajamento de todos os envolvidos com as abordagens didáticas realizadas”, explica Dinie Periald, diretora-adjunta.

O projeto teve início na gestão da diretora Patrícia Coser, que saiu para assumir outra unidade e foi substituída por Daniela di Carla. De acordo com a equipe do EDI, a proposta é trabalhar com os outros títulos da coleção ao longo do ano: Aquitã, o indiozinho; As pintas do Júnior e Hugo, o mostro, respectivamente.

“Tem sido fascinante ver a reação de todos os segmentos. Desde a creche, as crianças contam e recontam a história do livro sem quaisquer intervenções dos adultos. Alguns relataram que a parte favorita é quando João cria coragem para voar; outros, quando ele visita a escola. Algumas ainda reclamaram achando que João era preguiçoso por não querer ir à escola. Cada qual com sua percepção e contextualização própria”, comenta Dinie Periald.

Temas abordados a partir de Voa, João:

- Identidade
Para estimular a oralidade e desenvolvimento da construção da identidade pessoal e positiva, foram realizadas brincadeiras com os tamanhos, comparando as dimensões dos personagens do livro e, posteriormente, a altura das crianças da sala. O nome de João também foi apresentado como ponto de partida para trabalhar o nome próprio.

- Família
A partir da família de João, foram abordados os diferentes tipos de família (com dois pais ou duas mães, madrasta etc.) e o apoio e incentivo que uma família oferece. Assim, também foram trabalhadas palavras de encorajamento para superar medos.

- Moradia
Apresentação da moradia do João (a casa do joão-de-barro) e de diferentes tipos de moradia encontradas no cotidiano. Foram confeccionados cartazes coletivos, a árvore do João e a escola de voo.

- Higiene
A casquinha do ovo de João foi usada como base para conscientizar sobre a importância dos hábitos de higiene para uma vida saudável e para a convivência com outras pessoas. Foram realizadas rodas de conversa sobre como o João se cuida: passarinho escova os dentes? Como o João faz para lavar cabelos e para cortar as unhas? Também foi exibido um vídeo para demonstrar como os passarinhos tomam banho.

Atividades desenvolvidas no Berçário, no Maternal e na Pré-escola

Muitas foram as propostas desenvolvidas pelos educadores do EDI Senhora Perciliana Pereira de Alvarenga, que apostaram na ludicidade, na arte e nas conversas com as crianças.

A turma do Berçário, por exemplo, descobriu que o João nasceu do ovo, chocado pela mamãe, e fez uma encenação de parte dessa história.

No Maternal, algumas das atividades desenvolvidas foram: a confecção de cartazes coletivos – inclusive, usando cascas de ovo em mosaico –, a apresentação do espetáculo Voa, João! e um circuito envolvendo equilíbrio e agilidade, criado com cenas do livro.

Ainda no Maternal, antes de apresentar a história de Voa, João!, a professora Claudine Helena instigou as crianças a descobrir quem era o misterioso amigo que espalhava pistas pela escola, diariamente, sobre sua origem e identidade. A atividade foi documentada em vídeo e compartilhada na página da escola no Facebook.

“A cada descoberta, as crianças ficavam encantadas e muito curiosas por novas dicas e atividades. A gente até recebeu na nossa sala a visita de um passarinho de verdade, que foi o que mais encantou as crianças. O passarinho estava preso em uma gaiola, mas eu expliquei que não devem ficar presos. Inclusive, eu levei um passarinho de brinquedo e uma gaiola para ficar na nossa sala durante todo o projeto”, explica Claudine Helena.

Crianças do Maternal posaram para foto na casa do joão-de-barro (Imagem: Arquivo de fotos do EDI)

Turmas da Pré-escola montaram um mural de pinturas do voo do João, construíram uma superasa para que todos pudessem viver um pouco da aventura de voar e se apropriaram da história por meio de um teatro com fantoches criados pelas próprias crianças.

Também produziram máscaras e dobraduras do personagem, realizaram diferentes atividades abordando os sentimentos, registraram seus maiores temores e confeccionaram um cartaz sobre o ciclo da vida do passarinho.

“Muitas crianças falaram que choraram na primeira vez em que vieram à escola ou que ainda choravam para vir à escola, porque não estavam acostumadas com o ambiente escolar. Então, o enredo do livro ajudou muito a desmistificar a história de que, se estou afastado da minha família, não vou ser bem cuidado. As crianças conseguiram entender que na escola elas também são bem acolhidas”, relata a professora Aline Rosalino, da Pré-escola II.

Atividades envolvendo Voa, João! foram adaptadas para crianças de cada faixa etária da Educação Infantil (Imagem: Arquivo de fotos do EDI)

Veja, ao final da reportagem, a galeria de imagens das atividades desenvolvidas pelo EDI Senhora Perciliana Pereira de Alvarenga 

Ainda na Pré-escola, as turmas da professora Aira Ohanna Vaillant, por exemplo, realizaram uma pesquisa interna com os funcionários da unidade a respeito dos medos de cada um e construíram um gráfico com os resultados. Após essa atividade, foi criado um cartaz coletivo com palavras de apoio e de superação ditas pelas crianças, para que todos na escola fossem encorajados a superar seus medos.

“No caderno, também trabalhamos o nome do João, reforçando a primeira letra. Identificamos as vogais presentes e as crianças aprenderam sobre o uso do til”, conta Aira Vaillant.

O encerramento do bimestre no EDI Senhora Perciliana Pereira de Alvarenga se deu com um espetáculo de reconto do livro Voa, João! pelas turmas de Pré escola I e II para as crianças da creche. O vídeo da apresentação está disponível na página do EDI no Facebook.

Coleção Que medo! está disponível no PORTAL MULTIRIO

Tanto a série de vídeos quanto os livros em formato digital estão disponíveis no PORTAL MULTIRIO. As publicações contam com o recurso interativo da realidade aumentada, que “dá vida” às animações. Para ter acesso ao conteúdo especial, é necessário baixar o aplicativo na Play Store e posicionar a câmera do smartphone ou tablet em direção às páginas indicadas.

A coleção Que medo! é voltada para crianças de quatro a seis anos e aborda diferentes faces do medo infantil. Voa, João retrata de forma lúdica o processo de entrada na vida escolar; As pintas do Júnior, fala sobre o medo de ir ao médico; Hugo, o monstro, destaca o medo de “monstros” que “aparecem” principalmente na hora de dormir; e Aquitã, o indiozinho, retrata o medo do escuro.

Os quatro livros da coleção foram distribuídos às escolas da Rede, acompanhados de um teatro de bonecos com os personagens das narrativas.

Confira a experiência da professora Suely Avallone com o livro Voa, João na E.M. Ariosto Espinheira (4ª CRE)

Mídias Relacionadas
Galeria de Imagens
Relacionados
Mais Recentes