21 Outubro 2019
0
0
0
s2sdefault
 
festival vencedores interna
Finalistas e vencedores do Festival MultiRio 2019. Foto: Alberto Jacob Filho, MultiRio

A MultiRio realizou, na sexta-feira (18), dia de seu 26º aniversário, a cerimônia de premiação do Festival MultiRio 2019 – Web + Games. O evento, apresentado pelo jornalista Thiago Gomide, aconteceu no Memorial Municipal Getúlio Vargas, na Glória, e foi marcado por um clima caloroso. A subsecretária de Ensino, Rejane Faria – que representava a secretária Municipal de Educação Talma Suane – parabenizou todos os participantes, por perceberem que a linguagem audiovisual e as redes sociais são poderosas e eficientes ferramentas pedagógicas de nosso tempo.

Diário da Ana e Manu, Pretinhas Leitoras, E.M. Finlândia, Sala de Leitura São Sebastião e Cinema na Escola foram os canais web que ganharam o festival, em suas respectivas categorias.A E.M. Doutor Sócrates (10ª CRE) foi a grande vencedora do prêmio Audiovisual na Escola, que agraciou a equipe gestora pelo incentivo a projetos audiovisuais. Além dos canais Web, foram selecionados nove games produzidos por alunos e professores, que expuseram seus trabalhos no saguão do Memorial. Veja, no final da matéria, os detalhes sobre todos os finalistas e ganhadores.

Os canais vencedores vão ser agraciados com um curso do Centro Técnico Audiovisual (CTAv), instituição parceira do Festival vinculada à Secretaria Especial de Cultura do governo federal. Durante o evento, Eduardo Guedes, diretor de Mídia e Educação da MultiRio, ainda anunciou que a empresa lançará, em breve, o projeto MultiRio Space, que disponibilizará os estúdios da empresa para as escolas da Rede que tiverem projetos na área de audiovisual.

festival vencedores pretinhas
Pretinhas Leitoras, do Ciep Tia Ciata, as vencedoras na categoria 1º ao 5º ano: "Nosso canal é antirracista", avisaram. Foto: Alberto Jacob Filho, MultiRio

Os ganhadores do festival foram eleitos por votação popular após a seleção, por um júri especializado, de três vídeos finalistas para cada categoria, exceto para Educação Infantil, que teve apenas dois selecionados. Já os games foram escolhidos por uma equipe de profissionais da área. Uma comissão formada por profissionais da MultiRio e da Secretaria Municipal de Educação (SME) definiu o Prêmio Audiovisual na Escola.

Audiovisual na prática pedagógica

Para a assessora de Articulação Pedagógica da MultiRio, Simone Monteiro, o festival é uma importante contribuição à política cultural da Rede Pública do Rio: “A empresa, desde sua criação, sempre buscou valorizar a produção autoral dos alunos e professores e dar visibilidade às suas experiências. Isso permite que os envolvidos se conheçam e criem redes de colaboração e de troca de informações, o que é importantíssimo no mundo de hoje”, diz.

Para Luis Gustavo Rangel, diretor adjunto da E.M. Doutor Sócrates, a troca de informações e a criação de redes colaborativas constituem-se em um dos maiores ganhos do projeto Jornalismo na Escola, realizado na unidade de ensino. “Somos uma escola olímpica, que funciona em turno único. Por meio desse projeto, cobrimos todas as nossas atividades, inclusive as dos funcionários. Ao verem, em nosso canal do YouTube, o que seus filhos estão desenvolvendo, os pais se entusiasmaram e viraram grandes parceiros nossos. Os funcionários também vestiram a camisa por se verem representados. O resultado é que, hoje, temos um Conselho Escola-Comunidade fortíssimo”, explicou.

festival vencedores danielalvessolva games
O professor Daniel Alves da Silva e seus alunos da E.M. Embaixador Barros Hurtado tiveram três jogos selecionados pela Mostra de Games. Foto: Alberto Jacob Filho, MultiRio

Simone Monteiro também lembra a importância do trabalho pedagógico que está por trás do audiovisual. O desenvolvimento de games e de canais de internet, segundo ela, potencializam inúmeras habilidades e competências, inclusive aquelas apontadas pela Base Nacional Curricular Comum (BNCC): “Ninguém faz game ou vídeo sozinho, sem organização de uma narrativa, ou pesquisa de um tema. Quando o aluno se envolve em uma produção audiovisual, isso requer dele trabalho colaborativo, aperfeiçoamento de sua capacidade de expressão, desenvolvimento de conteúdos...”.

Na E.M. Embaixador Carlos Hurtado (4ª CRE), por exemplo, os alunos da disciplina eletiva Jogos, Brincadeiras e Produção de Games Educativos precisam fazer pesquisa sobre um tema, aprender princípios básicos de programação e de design de conteúdo, e desenvolver a criatividade para montar uma história com princípios lógicos. No game A Fuga da Biblioteca, elaboraram o seguinte enredo: uma bibliotecária distraída deixa três alunos trancados na biblioteca; para conseguirem a chave que abre a porta, precisam responder às charadas contidas nos livros.

Embora muitos não apostem na produção audiovisual na escola, a professora e youtuber Rafaela Lima concorda com Simone Monteiro. Para ela – que integrou o júri do festival, dá aula nas redes pública e privada, e tem mais de 107 mil seguidores em seu canal Mais Ciências –, além de desenvolver habilidades e competências – como a organização da escrita, da oralidade e das ideias – a manutenção de um canal na web também motiva os alunos e dá a eles a oportunidade de conhecer novos tipos de trabalho. “Saber produzir para a internet é tão importante quanto democratizar seu acesso”, defende.

festival vencedores finlandia
Ao centro, o professor Edson Dionísio, da E.M. Finlândia, que levou o prêmio de melhor canal web na categoria 6º ao 9º ano. Foto: Alberto Jacob Filho .

A coordenadora pedagógica da E.M. Prudente de Moraes (2ª CRE), Monica Elias Matsumoto, ainda vê outras vantagens pedagógicas, como o aumento da autoestima dos alunos. “Eles se sentem protagonistas e autoconfiantes, produzindo para um canal no YouTube. Isso tem impacto na aprendizagem, na sala de aula. Não dá mais para trabalhar sem as mídias”, diz, fazendo um comparativo entre os tempos atuais e o passado: “Os jovens de hoje não querem aprender a fazer poesia para cantar debaixo da janela da amada, mas a fazer vídeo para mandar para a namorada”.

O Festival MultiRio 2019 – Web + Games foi realizado em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (SME) e com o apoio da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Tecnologia (SMDT) e do Centro Técnico Audiovisual (CTAv). Veja, abaixo, as informações completas sobre os finalistas e vencedores.

Festival MultiRio 600

Modalidade: Web
Finalistas e vencedores


Prêmio Audiovisual na Escola

. E.M. Doutor Sócrates (vencedor). Equipe gestora: Cláudio Sato (diretor), Luís Gustavo Rangel (diretor adjunto), Maurício José de Almeida Filho (coodenador pedagógico). 10ª CRE.
. E.M. São Sebastião. Equipe gestora: Neuza ária Mantesso (diretora), Cristina Rodrigues Alves (diretora adjunta), Ivanilson Erculino dos Reis (coordenador pedagógico). 7ª CRE.
. E.M. Desembargador Ney Palmeiro. Equipe gestora: Natalia Padua Tavares de Freiras (diretora), Roberta Reis Valle Silva (diretora adjunta), Célia de Souza Lôbo Araújo (coordenadora pedagógica). 7ª CRE.

Canal Web - Educação Infantil

. Diário da Ana e Manu (vencedor). Responsável: Emanuelly Santos Francisco. E.M. Jose Eduardo de Macedo Soares (3ª CRE).
. Claudia Marques. Responsável: Claudia Regina Ribeiro Marques. C.M. Aconchego (3ª CRE).

Canal Web - 1º ao 5º ano

. Pretinhas Leitoras (vencedor). Responsáveis: Eduarda Ferreira Silva e Helena Ferreira Silva. E.M. Tia Ciata (1ª CRE).
. Super Alunos em Ação. Responsável: Gloria Maria Xavier Rangel Correia. E.M. São Sebastião (7ª CRE).
. Alunos da E.M. Prudente de Moraes RJ. Responsável: Dayse Alves Barbosa. E.M. Prudente de Moraes (2ª CRE).

Canal Web - 6º ao 9º ano

. Escola Municipal Finlândia (vencedor). Responsável: Edson Dionísio. Escola Municipal Finlândia (7ª CRE).
. Jornal Zélia Braune. Responsável: Kauan Martinez da Silva. E.M. Zélia Braune (4ª CRE).
. TV Doutor Sócrates. Responsável: Emanuel Fraga de Oliveira. E.M. Doutor Sócrates  (10ª CRE).

Canal Web - Escola

. Sala de Leitura São Sebastião (vencedor). Responsável: Amara Lúcia Pereira Leandro. E.M. São Sebastião (7ª CRE).
. Youtubers do Malba. Responsável: Aniger Capano. E.M. Malba Tahan (5ª CRE).
. GENTE André Urani. Responsável: Marcello Borring. E.M.  André Urani (2ª CRE).

Canal Web - Professor

. Cinema na Escola (vencedor). Responsável: Claudia Vieira. Núcleo de Arte Leblon (2ª CRE).
. Show da Betty. Responsável: Maria Cecilia Hoeltz. E.M. São Tomás de Aquino (2°CRE).
. Quinhoar: Ensino de História. Responsável: Raquel Elison Costa.  E.M. Deputado Hilton Gama (6ª CRE).

Canal Web - Menção honrosa

. Redescobrindo. Responsável: Lyvia Teixeira Santos. E. M. Desembargador Ney Palmeiro (7ª CRE).
. Helena à Beça. Responsável: Helena Beça. 3ª CRE.


Modalidade: GAMES
Jogos selecionados


. A Fuga da Biblioteca. Responsável: Daniel Santos Alves da Silva. E.M. Embaixador Barros Hurtado (4ª CRE).
. Amigos do Manguezal. Responsável: Melissa Tais Oliveira da Silva. E. M. Floripes Angladas Lucas (10ª CRE)
. Andrews 100%. Responsável: Marcela Tognoli Calixto. Humaitá Associação de Educação e Ensino.
. Bactérias em Ataque.  Responsável: Daniel Santos Alves Da Silva. E.M. Embaixador Barros Hurtado (4ª CRE).
. Corrida das Equações. Responsável: Rafael Ferreira da Costa Leite. Escola de Formação Paulo Freire.
. Desafiando o Ninja. Responsável. Daniel Alves Gouveia Esperidião da Silva. SG Instituto de Programação e Robótica Eireli – SuperGeeks.
. Moto Maluca. Responsável: Gabriel Alves Esperidião da Silva. SG Instituto de Programação e Robótica Eireli – SuperGeeks.
. Os Segredos Escondidos sobre a Matemática. Daniel Santos Alves da Silva. E.M. Embaixador Barros Hurtado (4ª CRE).
. River vs Pig. Responsável. Marcia Costa da Silva. E.M. Alberto José Sampaio (6ª CRE).;

Games - Menção honrosa

. Modern Art. Responsável: Rafael Silva da Costa. E.M. Dorcelina Gomes da Costa (7ª CRE).

Relacionados
Mais Recentes