13 Dezembro 2016
0
0
0
s2sdefault
 
Foto: Divulgação/ Fiocruz

No último mês, foi divulgado o resultado 2015-2016 da Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente (OBSMA), proposta educacional criada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em 2001, que tem como objetivo incentivar estudantes a criar projetos para a melhoria da saúde e do meio ambiente no Brasil. Depois de receber mais de 65 mil trabalhos, comissões avaliadoras selecionaram seis projetos de cada região (Centro-Oeste, Minas-Sul, Norte, Sudeste, Nordeste e Nordeste II), num total de 36.

Do estado do Rio de Janeiro, trabalhos de duas escolas foram destaque, ambos na modalidade Produção Audiovisual: Missão Impossível: Acabar com a Obesidade, da Escola Ipiranga, em Petrópolis; e Aluno Repórter: Gravidez em Cena (Minha Vida por um Filho), do Ciep Brizolão 493 Professora Antonieta Salinas de Castro, em Barra Mansa.

No dia 29 de novembro foi realizada, na cidade do Rio de Janeiro, a cerimônia de premiação, com o anúncio dos seis destaques nacionais. Os contemplados receberam os títulos de destaque e participaram de atividades educativas, congressos e visitação a centros de pesquisa em saúde e meio ambiente na sede central da Fiocruz, em Manguinhos. Confira a lista dos destaques no site da Fiocruz

A OBSMA acontece a cada dois anos. Podem participar alunos do 6º ano do Ensino Fundamental até o 4º ano do Ensino Médio (em colégios que tenham essas turmas), de escolas de todo o Brasil. A inscrição dos trabalhos – que podem ser de produção textual, audiovisual ou projeto de Ciências – é feita pelos professores envolvidos, sem limite de inscrições por docente.

Mídias Relacionadas
Relacionados
Mais Recentes