CIDADANIA
educação infantil

Mundo Novo

Coletivamente

Quando a assistente social Bianca Simãozinho Carvalho, aos 16 anos, decidiu abrir o Projeto Cultural Mundo Novo, na Chatuba, Baixada Fluminense do Rio de Janeiro, só no primeiro dia apareceram cem crianças. Após sete anos em obras, em 2013 ela concluiu a construção de seu sonho.

Assista

Fabiana

Gente da Escola

Que tal conhecer melhor o elemento humano que constrói o ambiente escolar? Quando a professora de Educação Infantil Fabiana Rego, do EDI Maria Braz (3ª CRE), no Lins, chegou ao Rio vinda da Bahia, percebeu que o negro e a cultura africana não eram devidamente representados dentro das escolas. Descubra as ações da educadora para mostrar a suas turmas a influência africana na formação da nossa cultura, fortalecendo a autoestima de seus alunos negros.

Assista

alfabetização

Casas de Alfabetização

Educação em Rede

Conheça o projeto Casas de Alfabetização, veja como foi a reestruturação da E.M. São Domingos (3ª CRE) para receber o projeto e descubra as aulas de alfabetização disponíveis na Educopédia.

Assista

Palestra As experiências das crianças com a história da cidade e o trabalho de alfabetização

V Semana de Alfabetização

Palestra de Maria de Lourdes Araújo Trindade, professora da Universidade Estácio de Sá e mestre em Educação pela PUC-Rio, com as professoras convidadas Ana Maria Balla, E.M. Professor Visitação (3ª CRE), e Denise Barreto, do do Ciep Francisco Cavalcanti Pontes de Miranda (9ª CRE). Promoveu uma reflexão sobre as práticas escolares propostas para a alfabetização que ampliem o conhecimento e a apropriação dos espaços vividos pelas crianças, explorando a localização, a organização e suas possíveis representações.

Assista

ginásio

Planeta Brasil

Curiosos por Natureza

O que são os três poderes que constituem o governo brasileiro? Entenda o que é a democracia representativa em que vivemos, as características do nosso país, as riquezas naturais e a geografia do Brasil em contraste com as desigualdades sociais.

Assista

Formação cidadã

Coletivamente

O exemplo dos alunos de uma escola privada que fazem trabalho voluntário de recreação e dão aula de reforço escolar para instituições públicas do Rio de Janeiro.

Assista

Planeta água

Curiosos por Natureza

Você sabe o que é a hidrosfera? Todos os recursos hídricos presentes na Terra, como oceanos, mares e rios, constituem a hidrosfera. Conheça as reservas de água brasileiras, as bacias hidrográficas, o Aquífero Guarani e modos de fazer uso sustentável da água.

Assista

eja

Joelma

Campanha Peja

Conheça a história da Joelma, que voltou a estudar depois de ter deixado a escola aos 13 anos e, hoje, agradece o apoio que recebe dos professores. 

Assista

Lourival

Gente da Escola

O que motiva uma pessoa a retomar os estudos já na idade adulta? O padeiro Lourival Soares, aluno do Centro Municipal de Referência de Educação de Jovens e Adultos – Creja (1ª CRE), no Centro, teve que parar de estudar quando cursava a antiga 5ª série, atual 6º ano. Mais de 20 anos depois, ele voltou à escola para poder crescer profissionalmente. Veja como Lourival consegue conciliar a rotina de trabalho com os estudos!

Assista

Jorge

Campanha Peja

Jorge Ferreira estuda na mesma escola que seu filho Daniel, de 13 anos. O pai se matriculou no Programa de Educação de Jovens e Adultos da E.M. Miguel Gustavo (4ª CRE), em Brás de Pina, para concluir os estudos e servir de exemplo e motivação para o filho. Conheça essa história no vídeo produzido pela MultiRio em parceria com o Peja da SME-Rio.

Assista

Dona Nonete

Campanha Peja

Já pensou em entrar em uma sala de aula pela primeira vez aos 70 anos? Foi o que fez Nonete dos Santos. Ela não se deixou abalar pela idade e fez questão de começar a estudar. 

Assista

PEJA

Educação em Rede

O desafio de reduzir o analfabetismo entre a população adulta e a metodologia do Programa de Educação de Jovens e Adultos. Conheça ações voltadas para o aumento do nível de escolaridade, a educação permanente e a inclusão no mundo do trabalho.

Assista

Spectaculu

Coletivamente

Em 1999, o cenógrafo Gringo Cardia e a atriz Mariza Orth criaram uma escola para a capacitação de jovens carentes entre 17 e 21 anos em Artes Cênicas e Tecnologia, chamada Spectaculu. O curso completo é gratuito e dura dois anos. Imaginem as montagens mágicas que saem de lá!

Assista

gestão escolar

Sandra

Gente da Escola

Você sabe o que move as pessoas que fazem parte da comunidade escolar? Para a coordenadora pedagógica Sandra Felix, da E.M. Maestro Francisco Braga (11ª CRE), na Ilha do Governador, não falta determinação. Em Gente da Escola, a educadora, que é apaixonada por corridas, conta um pouco sobre a função que agora exerce depois de ter sido professora regente e, também, de ter trabalhado na Sala de Leitura.

Assista

Marise

Gente da Escola

Como os pais e responsáveis podem contribuir para a melhoria das escolas dos filhos? Conheça a maranhense Marise Raposo, presença constante na Escola Municipal República do Peru (3ª CRE), no Méier, Marise contribuiu para a transformação da unidade atuando voluntariamente. Hoje, ela faz parte do Conselho Escola Comunidade e destaca a importância de uma gestão participativa com professores, funcionários, pais e responsáveis. 

Assista

Excelência na Educação

Conceito & Ação

Como alcançar uma educação de qualidade? Com mais de 97% das crianças de 6 a 14 anos na escola, esse é o grande desafio do nosso país. Acompanhe uma conversa com Ilona Becskeházy, consultora em Educação, sobre a importância das avaliações externas de aprendizagem para a formulação de políticas públicas, a autoavaliação das escolas, o currículo único e a formação de professores. 

Assista

Avaliação

Educação em Rede

As educadoras Thereza Penna Firme, consultora da Fundação Cesgranrio, e Simone Macedo, professora do Ciep 1º de Maio (10ª CRE), em Santa Cruz, falam sobre a importância da avaliação para a melhoria da qualidade do ensino e como a gestão escolar pode ajudar o aluno a se sentir parte da escola.

Assista

A importância da formação continuada

#educa

Você conhece a Escola de Formação Paulo Freire? Seu diretor fala sobre os novos projetos e atribuições da instituição, que completa seis anos em 2018. Os cursos de capacitação e formação foram ampliados e, além dos professores, agora também atendem os gestores e o pessoal técnico-administrativo.

Assista

Gestão escolar

Conceito & Ação

A pedagoga Débora Dias Gomes fala sobre liderança, sobre a elaboração e implantação de um projeto político-pedagógico e o incentivo à participação da comunidade e dos pais. 

Assista

Ana Rosa

Gente da Escola

Já pensou em se tornar o diretor da escola onde você estudou? Essa é a trajetória da educadora Ana Rosa Dourado, diretora da E.M. O'Higgins (8ª CRE), em Bangu. Ex-aluna da unidade, ela estudou Contabilidade, entrou para a Rede Pública Municipal de Ensino do Rio como merendeira, tornou-se professora e teve a oportunidade de trabalhar na escola em que estudou e cresceu.

Assista

Vera

Gente da Escola

A diretora adjunta Vera Bastos, da E.M. Cuba (11ª CRE), na Ilha do Governador, leva para o trabalho sua paixão pela leitura. Além de auxiliar na Direção da escola, ela participa de oficinas de escrita e tem poesias publicadas. Um de seus projetos mais bem-sucedidos consiste em, anualmente, montar uma peça escrita por alunos em homenagem a um escritor e apresentá-la na Academia Brasileira de Letras.

Assista

práticas docentes

Palestra As experiências das crianças com a história da cidade e o trabalho de alfabetização

V Semana de Alfabetização

Palestra de Maria de Lourdes Araújo Trindade, professora da Universidade Estácio de Sá e mestre em Educação pela PUC-Rio, com as professoras convidadas Ana Maria Balla, E.M. Professor Visitação (3ª CRE), e Denise Barreto, do do Ciep Francisco Cavalcanti Pontes de Miranda (9ª CRE). Promoveu uma reflexão sobre as práticas escolares propostas para a alfabetização que ampliem o conhecimento e a apropriação dos espaços vividos pelas crianças, explorando a localização, a organização e suas possíveis representações.

Assista

Sebastião

Gente da Escola

O agente educador Sebastião Chuab usa as próprias mãos para espalhar arte no Ginásio Experimental Olímpico Juan Antonio Samaranch (1ª CRE), em Santa Teresa. Além de orientar o comportamento dos alunos, ele promove oficinas de entalhe em madeira para eles. Sebastião também cursa História na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

Assista

De igual para igual

Ensinar e Aprender

Conheça a experiência do professor Thiago Trindade, da E.M. Rinaldo De Lamare (2ª CRE), em São Conrado, que, por meio da música, de aulas-passeio e atividades teatrais, desenvolve diferentes habilidades em seus alunos, além de valores como autoestima e autonomia.

Assista

Teatro científico

Coletivamente

Teatro é inclusão em qualquer área. O professor Márcio Medina, do Colégio QI, ao promover a leitura de textos teatrais nas aulas de Física, melhorou o desempenho escolar da turma. Ele só não previu o que aconteceria depois.

Assista

Elias

Gente da Escola

Descubra a rotina de Elias Monteiro, que trabalha na E.M. Estados Unidos (1ª CRE), no Rio Comprido, como merendeiro, uma profissão exercida majoritariamente por mulheres. Morador da Baixada Fluminense, ele teve sua primeira experiência em preparação de alimentos no Exército. Sorridente e de bem com a vida, Elias fala sobre seu trabalho e a relação com os alunos.

Assista

Quando a universidade vai à escola

#educa

A professora da UFRJ Debora Foguel, idealizadora do projeto UFRJ Doa Uma Aula, e Fabio Bastos, professor de Educação Física do GEO Nelson Prudêncio, na Ilha do Governador e idealizador do projeto Partilha Pedagógica (11ª CRE), falam sobre a importância de aproximar a universidade da educação básica.

Assista

Rachaduras sociais

Coletivamente

Marcelo Alves Teixeira criou um projeto para discutir a cidadania a partir da Constituição de 1988. E não é que ele se tornou um portal colaborativo alimentado pelos alunos?

Assista

Flautistas da Marambaia

Coletivamente

O projeto Flautistas da Pro Arte busca, há 29 anos, estimular novos talentos, inclusive fora de seus muros.  Veja o resultado desse trabalho na Escola Municipal Vieira Fazenda. Com poucas notas e muita melodia, os estudantes revolucionam suas vidas.

Assista

conexão sme

Dona Nonete

Campanha Peja

Já pensou em entrar em uma sala de aula pela primeira vez aos 70 anos? Foi o que fez Nonete dos Santos. Ela não se deixou abalar pela idade e fez questão de começar a estudar. 

Assista

E.M. Carlos Lacerda

Escolas Cariocas

Conheça as experiências de alunos e professores do Ginásio Carioca Carlos Lacerda (7ª CRE), na Taquara. Eles refletem sobre as características da proposta implementada pela escola: horário integral, professores com carga horária de 40 horas, projeto de vida, protagonismo juvenil, entre outras.

Assista

Joelma

Campanha Peja

Conheça a história da Joelma, que voltou a estudar depois de ter deixado a escola aos 13 anos e, hoje, agradece o apoio que recebe dos professores. 

Assista

Jorge

Campanha Peja

Jorge Ferreira estuda na mesma escola que seu filho Daniel, de 13 anos. O pai se matriculou no Programa de Educação de Jovens e Adultos da E.M. Miguel Gustavo (4ª CRE), em Brás de Pina, para concluir os estudos e servir de exemplo e motivação para o filho. Conheça essa história no vídeo produzido pela MultiRio em parceria com o Peja da SME-Rio.

Assista

Palestra As experiências das crianças com a história da cidade e o trabalho de alfabetização

V Semana de Alfabetização

Palestra de Maria de Lourdes Araújo Trindade, professora da Universidade Estácio de Sá e mestre em Educação pela PUC-Rio, com as professoras convidadas Ana Maria Balla, E.M. Professor Visitação (3ª CRE), e Denise Barreto, do do Ciep Francisco Cavalcanti Pontes de Miranda (9ª CRE). Promoveu uma reflexão sobre as práticas escolares propostas para a alfabetização que ampliem o conhecimento e a apropriação dos espaços vividos pelas crianças, explorando a localização, a organização e suas possíveis representações.

Assista

cidadania

Planeta Brasil

Curiosos por Natureza

O que são os três poderes que constituem o governo brasileiro? Entenda o que é a democracia representativa em que vivemos, as características do nosso país, as riquezas naturais e a geografia do Brasil em contraste com as desigualdades sociais.

Assista

Uso e abuso de álcool

Aquela Conversa

Quais são os efeitos do abuso de álcool no cérebro dos adolescentes? Os fatores de risco e proteção que devem entrar em cena nessa fase da vida. A importância da família e da escola e o papel das Clínicas da Família e dos Centros de Atenção Psicossocial para Usuários de Álcool e Drogas (CAPSad).

Assista

Evasão x avaliação

#educa

Qual é a relação entre avaliação e evasão escolar? O professor Ruben Klein, presidente da Associação Brasileira de Avaliação Educacional (Abave), responde a essa pergunta e explica, também, como uma avaliação em grande escala influencia a vida do aluno e a gestão escolar.  

Assista

Aula de solidariedade

#educa

A coordenadora de Ação Social do Colégio Cruzeiro, Luciane Hentschke, fala sobre o projeto de voluntariado e cidadania desenvolvido pela instituição e sobre a importância de estimular a cultura do voluntariado entre os jovens. Ao longo do ano, os alunos realizam leituras em hospitais, dão aulas de reforço para estudantes de baixa renda, visitam asilos e orfanatos e participam de ações ambientais.

Assista

Mulher-sujeito

Aquela Conversa

Vamos discutir a questão feminina, a posição das mulheres como sujeito, cidadãs de direito, donas de seus corpos e de suas escolhas. E também as situações que limitam sua equidade: a violência de gênero; a diferença entre a educação de meninas e meninos; a discriminação das mulheres negras e a falta da parceria masculina.

Assista

Vulnerabilidades e potencialidades

Aquela Conversa

A escola está na berlinda: qual a sua potencialidade no enfrentamento das situações de vulnerabilidade social na infância e na adolescência? Qual a importância do trabalho colaborativo das diferentes políticas públicas? E dos adolescentes cumprindo medidas socioeducativas? Como se dá o trabalho com as famílias?

Assista

Mundo Novo

Coletivamente

Quando a assistente social Bianca Simãozinho Carvalho, aos 16 anos, decidiu abrir o Projeto Cultural Mundo Novo, na Chatuba, Baixada Fluminense do Rio de Janeiro, só no primeiro dia apareceram cem crianças. Após sete anos em obras, em 2013 ela concluiu a construção de seu sonho.

Assista

Jorge

Campanha Peja

Jorge Ferreira estuda na mesma escola que seu filho Daniel, de 13 anos. O pai se matriculou no Programa de Educação de Jovens e Adultos da E.M. Miguel Gustavo (4ª CRE), em Brás de Pina, para concluir os estudos e servir de exemplo e motivação para o filho. Conheça essa história no vídeo produzido pela MultiRio em parceria com o Peja da SME-Rio.

Assista